Pesquisar

Login

Registre-se ou faça o login para receber nossos informativos.



Espiritualidade e paz social
Artigos on line - Artigos
Escrito por Victor Rebelo   

Durante séculos a Europa foi palco de muitas guerras, motivadas por disputas políticas ou religiosas. A ambiçã Salvar o sem limites de reis e sacerdotes provocava a morte de milhares de pessoas, dificultando cada vez mais o progresso espiritual e social coletivo.

Só na época da Inquisição, imposta pela Igreja Católica, milhares de pessoas foram condenadas à morte.

Já no Séc. XVIII, o movimento Iluminista, que pregava a liberdade, igualdade e fraternidade, acendeu a chama dos ideais democráticos no mundo, ao mesmo tempo em que a Igreja ia perdendo cada vez mais seu poder perante o Estado. Nesta época surge o Positivismo, uma linha filosófica que propõe a soberania da Ciência. Tudo aquilo que não pudesse ser comprovado, segundo os padrões científicos da época, não deveria ser aceito.

No Séc. XIX surge o Espiritismo, uma doutrina espiritualista cuja proposta de Allan Kardec, seu codificador, não era concorrer com as outras religiões, mas servir de ponte entre a Ciência e a Religião. A preocupação de Kardec era preencher certas lacunas, solucionar certas questões e, principalmente, falar sobre espiritualidade para uma sociedade cada vez mais materialista.

Tivemos grandes avanços em termos sociais, como na Medicina, nos meios de comunicação... e tudo isso possibilitou que entrássemos na Era da Informação, onde as barreiras entre os povos se tornam cada vez menores. Mas todo este avanço tecnológico não foi acompanhado por uma evolução no campo espiritual.

É claro que progredimos! Apesar de alguns líderes ainda usarem a Religião como pretexto para se fazer guerras, a humanidade, como um todo, melhorou muito. Mas ainda vemos muita indiferença, muita valorização dos bens materiais em detrimento dos valores mais profundos da vida. A Medicina se propõe a curar o corpo; a Psicologia ajuda o homem a conhecer a si mesmo, mas e com relação à busca por um sentido mais profundo da vida, como faremos? Somente com valorização da espiritualidade, inerente a cada um de nós, independente do rótulo religioso, poderemos encontrar as respostas e o caminho para uma vida mais plena.Temos todo um Potencial divino e precisamos manifestá-lo em nossas vidas.

As revoluções sociais e as reformas políticas transformam a sociedade somente na superfície, mas as verdadeiras transformações ocorrem de dentro para fora. Quanto mais nos reconhecermos como espíritos imortais, manifestações do Todo, Absoluto e Transcendental (e não importa se O chamamos de Deus, Allah, Jeová, Tupã, Brahman...) maior será nossa percepção de que existem outros planos mais sutis da existência, pois a vida é eterna.

Só então conquistaremos a paz e a harmonia social que tanto sonhamos.

 

Faça uma visita!

Caminho Espiritual 42

Carrinho

VirtueMart
O seu Carrinho de compras encontra-se vazio no momento.

Para ouvir